Acabou-se o Carnaval


Já passou.

Acabaram-se as esfregonas deambulantes, as fadas que não voam, os piratas sem barco e os astronautas que andam de metro com capacetes que são candeeiros do IKEA.

Suponho que foi a primeira e última vez que vi Torres Vedras, com foto e tudo, no jornal “20 minutos” que se lê no comboio para Sabadell. È verdade que o gancho da notícia era o Cristiano Ronaldo versão carro alegórico, mas algures no corpo do texto lá estava, escrito e bem escrito, “Carnaval de Torres Vedras”.

Tão pouco o Irish Pub vai voltar a ter um Dj brasileiro ou algo que se assemelhe a uma festa de Carnaval do Brasil.
Nem eu sei onde estava com a cabeça quando, contra todas as regras de posicionamento e públicos, decidi passar samba rock num bar irlandês.
Mais chocante que isso só mesmo o facto de ter acorrido à festa uma grande quantidade de pessoas que nunca antes tinha ouvido falar em samba rock…

É divertidamente curioso o Carnaval!

Mas agora já passou.

Voltemos às nossas máscaras do dia-a-dia.

Comentários

Patrick O'Neill disse…
Never mind, as you say in Buenos Aires, É carnival, ningen leva mal!

Mensagens populares deste blogue

O síndrome de Bridget Jones

Já cá estou outra vez, desculpem a demora...

Aproveito o 8 de Março para dizer que as mulheres deviam ganhar mais do que os homens