Poc a poc

Lembro-me do primeiro dia. Vai ser difícil mas eu vou conseguir. E consegui. Revolvidos mais de 12 meses já conhecia os cantos às ruas, embora se me escapassem a maioria dos nomes. Eu sei que dizer “já” depois de se ter passado mais de um ano denota um certo atraso. (Por isso escrevi 12 meses, a ver se disfarçava). Mas eu sou assim. Sempre demasiado concentrada nos meus monólogos comigo mesma para reparar nos caminhos que traço. Disso ocupam-se os pés. Infelizmente os pés não têm memória nem GPS com alarme. E uuups, já passei a porta de casa. Eu moro uns números mais acima e uma rua mais abaixo.
Mas pouco a pouco tudo se foi discernindo com uma clareza informal. Já fazia parte de mim saber onde estavam os super mercados, as frutarias, os correios e os restaurantes. Conhecia as pessoas da farmácia, o senhor da loja de arranjar os sapatos e o da loja de arranjar os computadores. Dizia bom dia aos vizinhos e pedia-lhes coisas emprestadas. A vizinha que passou os primeiros 12 meses (esta é cá das minhas) a perguntar se eu morava no prédio, também já não perguntava.
As linhas de metro úteis, as rotas dos autocarros, as rotas dos autocarros nocturnos, as estações de comboios mais próximas, o preço dos táxis. As discotecas, os bares e os puticlubs. O hospital e as urgências! Tudo encaixava perfeitamente no meu puzzle da Mallorca 84. Entre Villadomat e Comte de Burrell. E até tinha aprendido a pronunciar Comte de Burrell com sotaque catalão. E até tinha descoberto um take away de frango assado! Notável, porque os frangos assados são escassos em Barcelona.
Agora tenho de começar tudo outra vez.
Já sei o básico: transporte, farmácias, supermercados, frutarias e o império chinês da restauração e do pronto a vestir. Claro que não acalento a ilusão de encontrar outro take away de frango assado, mas hoje descobri que os correios e a loja de congelados estão na minha esquina. E foi mais uma pecinha que encaixou no meu novo puzzle. Ao lado da biblioteca e do mercado. É continuar a destapá-las e, com sorte, encontrar alguma que não encaixe. Para poder fazer mais puzzles, porque Barcelona não cabe só em 2.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

O síndrome de Bridget Jones

Já cá estou outra vez, desculpem a demora...

Aproveito o 8 de Março para dizer que as mulheres deviam ganhar mais do que os homens