Paddy's day

Nunca pensei que o dia em que se bebe whisky e guinness me fizesse trabalhar num Sábado, tarde e noite. Da mesma maneira que nunca se me ocorreu que a música irlandesa pudesse ser divertida, porque nunca se me havia ocorrido ouvir música irlandesa.
Também não tinha traçado o efeito causa-consequência de beber pintas com colorante verde: xixi verde.
Agora chapéus sempre usei, de várias formas e feitios. Exceto altos, de cor verde e de uma marca de cerveja.
Tours também fiz imensos, pelas dunas das praias brasileiras, pelas cataratas do Iguaçu, pelo rio Sena ou pela mesmíssima Barcelona.
Por bares nunca tinha feito, mas como a ideia foi minha, achei pouco ético vende-la sem experimentar o produto.
E assim foi o meu Sábado passado, 17 de Março, dia de St. Patrick’s, santo padroeiro da Irlanda, país famoso por estar atolado na crise, mas anteriormente conhecido pelos seus típicos Irish Pubs onde o whisky e as pintas de cerveja de marcas como Guinness são consumidos em vez de água. Foi assim, com uma extensa rota pelos 3 Irish Pubs que eu transformei numa marca conhecida em Barcelona e que têm quase 4.000 fans no facebook em menos de um ano.
Foi assim, com o namorado e uns amigos espanhóis que a julgar pelo bebem bem que podiam ser irlandeses.
Foi assim, com bebidas tingidas de verde, bandeiras da Irlanda a ondear sumptuosas, chapéus dos kits de promoção das cervejeiras e “Dirty old town””Whisky in a jar” e outros clássicos a fazerem os catalaes pular mais que quando o Messi marca.
Foi assim, com centenas de pessoas a disfrutar da festa que eu montei em homenagem a um Santo que não conheço, mas ao qual devo o dia em que mais se fatura nesse estamines para os quais trabalho. E isso já me faz quase tao devota do São Patrick como da noite de Sto. António. Enfim... foi assim:


cançao "Fiesta" com letra num misto de palavras e tradicçoes espanholas e irlandesas, pelo grupo Irlandês The Pogues.



Comentários

Mensagens populares deste blogue

O síndrome de Bridget Jones

Já cá estou outra vez, desculpem a demora...

Um fim de ano especial, com festa no Palácio Real!