Resistência irresistível

Comprei um telefone novo porque o meu deu o berro. Ou, para ser mais exata, silenciou-se para sempre.
Eu, que tenho um método extremamente seletivo para escolher aparelhos tecnológicos, escolhi como de costume o que era mais bonito, que é como quem diz, mais cor de rosa!
Um cor de rosa ouro assim para lá de espetacular, fino e consideravelmente pequeno, em que as fotografias que tiro se mexem, como as do Harry Potter! Estou maravilhada!
Foi um passo importante, porque desde que me roubaram um iphone há pra aí 5 anos, que mudei para Samsung. E fui, durante muito tempo, uma utilizadora fiel, uma defensora acérrima da marca, uma ativista anti Apple e o seu plano de marketing para dominar o mundo.
No fim, lá foi tudo para as couves por um rosa ouro. Que fique claro que resisti mais do que podia! Acabei por me render porque absolutamente toda a gente aqui usa iphone e faz face time e eu sentia-me um bocadinho excluída do mundo.
Balanço a minha dignidade por ainda usar um Toshiba em vez de um Mac.
Agora, só faltam dois anos para terminar de pagar o telemóvel, com pequenas prestações mensais, que isto de ter fotografias que se mexem não podia sair barato. Além do que, tendo vasta experiência em perda, extravio ou ruptura de todo o tipo de objetos valiosos, desta vez avancei-me ao acaso e pus um seguro ao telefone. O que encarece ainda mais o preço das mensalidades, porém, quando lhe acontecer alguma coisa, porque sempre acontece, em vez de ficar apeada, vou receber um telefone novo!

Só coisas boas!

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Já cá estou outra vez, desculpem a demora...

Aproveito o 8 de Março para dizer que as mulheres deviam ganhar mais do que os homens

Um fim de ano especial, com festa no Palácio Real!