Objetivos de vida

Há que ter objetivos de vida nesta vida. Aproveitá-la ao máximo. Fazer com que conte para algo útil. Por isso, este fim de semana marquei um grande objetivo pessoal. Uma meta que alcançar: ir pela primeira vez à praia, este ano. Não esse ir à praia desde a esplanada. Não esse ir à praia para ver o mar. Não. Eu queria Ir à praia para meter os pés no mar. Aquele ir à praia e trazer areia para casa, que depois quando tomamos banho nos apercebemos  que afinal trouxemos mais do que pensávamos. Ir à praia de verdade, com biquíni, páreo e protetor solar. Nunca se esqueçam de usar o protetor solar!
Não esperei muito para chegar à minha meta. Mal acordei esta manhã e vi que fazia sol decidi que hoje era o dia. Desafiei o vento e a instabilidade meteorológica (ultimamente tão depressa chove como estão 20 graus à sombra) e lá fui de biquíni, mas com uma camisola por cima. Fique a entidade paternal descansada, que não ando por aí a apanhar frio e não vou ficar constipada.
Deitada na areia em frente ao mar, com pouca gente à volta pese a ser Sábado (fica patente que as pessoas priorizam as suas vidas com objetivos diferentes dos meus), o mundo era perfeito. O sol aquecia sem queimar, o vento soprava ameno sem incomodar e tão divinamente se passaram duas horas sem dar por elas.    
 Depois o céu encheu-se de escuridão e começou a chover torrencialmente. Mas por essa altura já tínhamos entrado no metro, precavidas que somos.
Missão cumprida! Sinto-me realizada.

Próximo desafio: o primeiro banho de mar.




Comentários

Mensagens populares deste blogue

Já cá estou outra vez, desculpem a demora...

Um fim de ano especial, com festa no Palácio Real!

Aproveito o 8 de Março para dizer que as mulheres deviam ganhar mais do que os homens